Diário de uma Busca.


22/11/2007


Para o Imprevisível

Sabe... eu ainda te espero...

Todo dia quando estou chegando em casa, fico imaginando como seria se você estivesse lá me esperando... mas, você não está...

E todas as vezes que vou para a farra, penso que trocaria qualquer reggae para estar ao seu lado. Se você chegasse bem na hora em que eu estivesse saindo, ainda assim largaria tudo, deixaria qualquer pessoa esperando, menos você... mas, você não chega...

E sempre que estou me arrumando, em frente ao espelho e me acho linda, fico desejando que esta palavra saísse da sua boca... mas, você não aparece...

E eu ainda vou dormir chorando... Dizem que o Tempo cura tudo... mas, nessas horas... o Tempo não passa...

Escrito por INCOMPREENDIDA às 17h09
[ ] [ envie esta mensagem ]

Sobre como estou me sentindo no momento...

tomo emprestadas as palavras do grande poeta Djavan:

" ... mas, é doce morrer

nesse mar de lembrar

e nunca esquecer...

se eu tivesse mais alma

pra dar eu daria,

isso pra mim é viver..."

Escrito por INCOMPREENDIDA às 17h08
[ ] [ envie esta mensagem ]
 

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, SALVADOR, Rio Vermelho, Mulher, de 26 a 35 anos, Portuguese, Italian, Livros, Música
MSN - fauinlove@hotmail.com

Histórico